SENAI faz programa piloto para atender à Norma de Desempenho da indústria da construção

O SENAI-MG e o SINDUSCON reuniram no dia 10/05 empresários e executivos de incorporadoras e construtoras para o encerramento do Programa de Adequação de Empresas da Construção para atender às exigências da Norma de Desempenho ABNT NBR 15575/2013 Edificações Habitacionais – Desempenho.

O SENAI Departamento Nacional, junto com o SENAI-MG e o SENAI-BA, apoiados pela Secretaria de Desempenho da Câmara da Indústria da Construção – FIEMG e o Sinduscon-MG, viabilizaram o programa com uma metodologia específica para capacitar e assessorar as empresas para adequação dos processos produtivos e administrativos com foco no atendimento à Norma de Desempenho. As empresas MRV, Emccamp, Collem, Lage e EBHIG fizeram parte do grupo piloto, em Belo Horizonte.

Em vigor desde julho/2013, a Norma de Desempenho estabelece novos parâmetros de qualidade para todos os empreendimentos habitacionais construídos no país, atendendo exigências legais que englobam a segurança, habitabilidade e sustentabilidade das edificações.

Segundo o consultor do Sinduscon-MG, o engenheiro civil Roberto Matozinhos, o resultado destas empresas foi principalmente a segurança de que estão atendendo às normas de desempenho em sua plenitude, incluindo ensaios, processos e projetos. Ele enfatizou a necessidade da informação para usuários das edificações, como seu uso correto e a realização das manutenções. “A primeira fase é uma compreensão da norma. Todos os sistemas precisam atender ao conforto acústico, estrutural, térmico, entre outros, para melhorar a qualidade das edificações que não podem trazer desconfortos. A norma também diz respeito às garantias e à vida útil da edificação”, diz.

O conceito de desempenho estabelecido é novo e deverá ser incorporado por toda a construção civil. Para o diretor regional do SENAI-MG Cláudio Marcassa, o programa veio para auxiliar as empresas nas dificuldades do entendimento e na implantação da Norma. “As parcerias viabilizaram um subsídio importante para as empresas. Essas cinco indústrias servirão de referência para toda a cadeia da construção”, diz.

A representante do SENAI-DN Diana Pinheiro Tavares Linhares ressaltou que a Norma de Desempenho permitirá à construção civil avançar em suas potencialidades. “Estamos felizes de estar em Minas Gerais realizando essa transferência de tecnologia. Teremos bons resultados com o envolvimento de toda a cadeia”, diz.

Fonte: FIEMG