Grande adesão de empresários marca confraternização entre colaboradores do CUB-JF

O Sindicato da Indústria da Construção Civil de Juiz de Fora (Sinduscon/JF) e a Comissão de Materiais, Tecnologia, Produtividade e Qualidade (COMAT) realizaram nesta segunda-feira, 5 de dezembro, no Berttu’s Restaurante, um jantar de confraternização entre os diretores das empresas e os colaboradores responsáveis pela coleta do Custo Unitário Básico da Construção Civil (CUB) em Juiz de Fora.

O encontro acontece anualmente e tem o objetivo de oferecer um momento de ainda mais a integração entre as pessoas responsáveis pela apuração do índice. Especificamente em 2016, a COMAT – com nova diretoria desde 2015 – festejou também o aumento de aproximadamente 70% no número de empresas que contribuem com a apuração do CUB, que, mensalmente, representa a realidade do empresariado da construção civil de Juiz de Fora e região.

“Sem dúvidas temos que nos sentir orgulhosos com o que está acontecendo no nosso sindicato. Este ano tivemos uma evolução muito grande com relação às coletas e isso comprovou que quanto mais as empresas participam, mais precisos são os resultados. Há mais de 20 anos a apuração do CUB é realizada na cidade e não só por isso, mas pela confiabilidade do nosso índice, Juiz de Fora está na frente. Estamos em primeiro lugar depois de Belo Horizonte e isso é muito importante para o nosso município”, explicou o presidente do Sinduscon/JF, Aurélio Marangon Sobrinho.

Ainda sobre as conquistas de 2016, o presidente da COMAT e vice-presidente do Sinduscon/JF, Sérgio Henrique Batista Campos, destacou: “O crescimento deste ano fez toda a diferença para a nossa comissão, pois quanto mais empresas participantes, maior a nossa amostragem. E é exatamente isso o que agrega cada vez mais confiabilidade ao nosso índice. Mas o detalhe que está na veia da COMAT é a melhora contínua. Temos que aumentar ou manter essa quantidade de empresas participantes, mas nunca diminuir. A nossa vontade de querer melhorar sempre é que garante o sucesso do nosso trabalho e que torna o CUB de Juiz de Fora um dos mais confiáveis do país”.

O responsável pelo levantamento de dados da COMAT, Aurélio Marangon Júnior, falou sobre o novo trabalho da equipe e as perspectivas para 2017. “A diretoria da COMAT foi renovada em novembro do ano passado e, desde então, viemos desenvolvendo este trabalho novo que busca atrair cada vez mais empresas envolvidas com o CUB. Este ano contabilizamos uma adesão de mais 70% de novas empresas que, mensalmente, estão enviando seus dados sem falhas para a nossa comissão. Isso demonstra o comprometimento dos empresários, que é fruto das nossas ações de captação. Hoje procuramos conscientizar as empresas sobre a importância deste apoio, a partir de treinamentos e da explicação detalhada sobre o que é o CUB e como sua precisão pode trazer benefícios para a própria empresa. O nosso trabalho tem sido incessante e já recebemos novos contatos de empresários, que garantiram a inclusão de suas empresas nas apurações do próximo ano”, finalizou.

Homenagens

Também durante o evento, três empresas receberam uma placa em homenagem ao seu comprometimento com o fornecimento dos dados em 2016 e com o aperfeiçoamento constante dos índices do sindicato. Questões como prazos de entrega e integralidade das informações fornecidas foram levadas em conta.

A primeira empresa a receber tal mérito foi a Haec Congel – Construções Gerais, seguida da Hebert Engenharia e da Construtora Wao-Mar. Confira as fotos da noite aqui.

O proprietário da primeira colocada, Hélio Abreu, afirmou: “A HAEC foi a primeira empresa a participar deste levantamento. Desde que o CUB passou a ser apurado em Juiz de Fora, fazemos questão de contribuirmos com o sindicato. Esta homenagem vem a partir do nosso esforço de aperfeiçoarmos o nosso trabalho para fornecermos dados com a melhor qualidade possível, a tempo e a hora, porque é justamente disso que depende o êxito do resultado final do índice, que traz benefícios não só para a minha, mas para todas as empresas do setor. O nosso trabalho não tem segredo. Desde sempre busco envolver todos os meus funcionários, para que tenham o comprometimento e para que se sintam responsáveis para darmos o devido retorno à comissão”.

O CUB

O CUB/m² é um indicador essencial no dia a dia das empresas de Construção Civil e por meio dele pode-se realizar o registro de incorporações imobiliárias e verificar o custo básico dos empreendimentos. A construção civil é o único setor da economia que calcula o seu próprio indicador de custo, que também é utilizado como indicador macroeconômico da evolução dos custos do setor.