Financiamento imobiliário de abril foi menor que o de março

O número de imóveis financiados, nas modalidades de aquisição e construção foi de 14,4 mil no mês de abril, mostrando uma queda de 26,6% em relação a março. No acumulado do ano a retração foi de 67,7%. Os recursos da caderneta de poupança utilizados foram de R$ 3,5 bilhões, com redução de 62% em relação a abril do ano passado.

No primeiro quadrimestre do ano foram financiados 62,2 mil imóveis, o que significou queda 59,6% em relação ao mesmo período de 2015, quando foram financiados 154,1 mil imóveis.

Os saques em cadernetas de poupança em abril superaram os depósitos, resultando em captação líquida negativa de R$ 6,3 bilhões. Com a expectativa de queda da Selic, por analistas econômicos ouvidos pela pesquisa Focus, deverá haver uma redução no ritmo das perdas da caderneta de poupança no segundo semestre deste ano, mas será somente em 2017 que as condições deverão estar mais próximas das habituais.

Nos 12 meses compreendidos entre maio de 2015 e abril de 2016, o crédito imobiliário viabilizou a aquisição e a construção de 249,6 mil imóveis, com redução de 52,4% em relação às unidades financiadas nos 12 meses do período anterior.

Fonte: Sinduscon/SP