Construção Civil se mobiliza contra a dengue

A construção civil aderiu ao esforço que mobiliza o país para combater o mosquito Aedes aegypti e impedir o avanço da dengue e outras doenças  graves como o zika e a chikungunya.

Sindicatos empresariais do setor iniciaram campanhas contra o mosquito e também de conscientização dos trabalhadores nos canteiros de obra espalhados pelo país.  Líder do projeto Segurança e Saúde no Trabalho da CPRT/CBIC, Haruo Ishikawa, alerta que essas ações são primordiais no combate ao mosquito, com vistas a proteger a saúde do trabalhador da construção e da sociedade como um todo.

“Eu tenho recomendado a todas as construtoras que mantenham um responsável dentro do canteiro de obra para cuidar disso”, afirma.

Segundo ele, a orientação é averiguar a incidência e tomar as providências para impedir a formação de focos da doença nas obras. Nessa edição, o CBIC Mais  apresenta as ações de três Estados:Pernambuco, Paraíba e Minas Gerais. Confira:

SECONCI-MG CRIOU CHECKLIST PARA MONITORAR OS CANTEIROS

O Departamento de Segurança do Trabalho do Serviço Social da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Seconci-MG), realiza, dentro de suas visitas preventivas relacionadas à segurança do trabalho, uma vistoria no canteiro para identificar possíveis focos do Aedes aegypti. Também é feito um trabalho de sensibilização junto aos trabalhadores nesse sentido, com a distribuição de um material informativo que conta com um checklist  de situações específicas de canteiros de obra, para que a vistoria possa ser direcionada posteriormente.

Além das visitas, o Seconci-MG vem desenvolvendo parceria com o MobilizaSUS-BH, braço da Secretaria Municipal de Belo Horizonte. A entidade participa de campanhas de sensibilização da Secretaria e intermedia palestras e ações desenvolvidas por esta nos canteiros de obra de empresas associadas. O presidente do Seconci-MG, Eduardo Henrique Moreira, ressalta a importância dos Seconcis estarem atentos a problemas que afetam a sociedade como um todo: “o combate à Dengue precisa do comprometimento de toda a população. Com o recrudescimento dos casos, é fundamental que a indústria da construção se envolva com os esforços de erradicação do mosquito transmissor. Como parceiros das empresas do setor na área de responsabilidade social, os Seconcis precisam estar alinhados às ações de combate e prevenção à dngue”, destaca.
A mais recente campanha da entidade em Minas Gerais aconteceu em novembro de 2015. Participamos da Semana A de Atitude Contra a Dengue , cujo objetivo foi chamar atenção da população para o combate do Aedes aegypt, transmissor da dengue, chikungunya e zika, e incentivar a população a reforçar medidas de prevenção. Com o período das chuvas, essa parceria está sendo reforçada e as ações, intensificadas. O Seconci-MG já retomou suas atividades e já está recebendo solicitações de palestras e outras intervenções educativas relacionadas ao problema.
Fonte: CBIC