Presidente do Sinduscon JF e da FIEMG Regional ZM recebe Comenda da Associação Comercial...

Aurélio Marangon Sobrinho foi homenageado pelo destaque em sua área de atuação

O presidente do Sinduscon JF e da FIEMG Regional Zona da Mata, Aurélio Marangon Sobrinho, foi uma das personalidades homenageadas com a Comenda “Daniel Pinto Corrêa”, outorgada pela Associação Comercial e Empresarial de Juiz de Fora (ACEJF) em solenidade realizada no dia 18 de julho, no Hotel Green Hill, em Juiz de Fora. Durante o evento, que celebrou também o aniversário de 123 anos da entidade, foram homenageadas dez pessoas  que se destacaram em sua área de atuação pelos relevantes serviços prestados à comunidade.

A honraria recebe o nome de um dos empresários fundadores e primeiro presidente da Associação Comercial e os agraciados com o Mérito foram definidos através de um Conselho formado pelos diretores da entidade. Dentre as 70 indicações recebidas, os dez comtemplados desta edição foram os mais votados e receberam aprovação unânime do Conselho.

Receberam a Comenda “Daniel Pinto Corrêa”: Aurélio Marangon Sobrinho (presidente da FIEMG Regional Zona da Mata e do Sinduscon-JF); Domingos Delmonte (empresário do Comércio); Elson Corrêa de Mello Júnior (presidente da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Juiz de Fora); Hugo Campos Borges (presidente da Unimed Juiz de Fora), Juracy Neves (empresário); Leonardo Corrêa Nunes (Capitão do Corpo de Bombeiros); Pierre Maurício Almeida (padre da Arquidiocese de Juiz de Fora); Renato Villela Loures (presidente da Santa Casa de Juiz de Fora); Sérgio Henrique Carrato (consultor institucional da MRS Logística) e Valério Ribeiro (advogado). 

Para Aurélio Marangon, trata-se de um importante reconhecimento ao trabalho que vem sendo realizado em prol do setor industrial de Juiz de Fora e região. “É com imenso orgulho que recebo esta homenagem, que me incentiva a continuar buscando sempre a excelência de atuação no setor que represento, com o objetivo maior de lutar pelo desenvolvimento de toda a Zona da Mata mineira” declara.